Cadastre-se e receba informações da Inovar
Nome:


E-mail:



11/04/2006
Projeto Inovar 2010 - CMMI

Em busca da excelência, competitividade e internacionalização, a INOVAR iniciou o Projeto de Certificação CMMI. CMMI é uma metodologia criada pela SEI (Software Engineering Institute) para ser um guia destinado a melhorar os processos organizacionais e a habilidade desses em gerenciar o desenvolvimento, a aquisição e a manutenção de produtos e serviços.

CMMI é um modelo para melhoria e avaliação do desempenho de organizações de desenvolvimento de software. Significa “Capability Maturity Model Integration” (Integração do Modelo de Maturidade de Capabilidade) e foi publicado e desenvolvido pelo Carnegie Mellon Software Engineering Institute (SEI).

O CMM, versão original do CMMI, foi originalmente encarregado pelo Departamento de Defesa Americano para ajudá-los a qualificar as capabilidades de fornecedores de software. Deste então, rapidamente foi desenvolvido como uma poderosa ferramenta para guiar iniciativas de melhoria de processo, não só para Desenvolvimento de Software, mas para muitos campos relacionados, como Engenharia de Sistemas, Aquisição de Produtos, Gerenciamento de Equipe, Pesquisa e Desenvolvimento, etc.

Hoje o CMMI é usado em todo mundo em organizações militares, comerciais e governamentais e tem se mostrado eficaz em reduzir riscos associados a projetos de desenvolvimento, aumento de eficiência e melhoria da qualidade dos produtos. Muitas áreas, como transporte e telecomunicações, estão acrescentando como requisito o atendimento ao CMMI em grandes propostas. Além disso, países como Índia e China, estão utilizando o modelo para posicioná-los como confiáveis fornecedores mundiais de serviços de outsourcing.

O CMMI é melhor conhecido pelos seus 5 níveis de maturidade da organização. Cada nível representa um conjunto coerente de melhores práticas esperadas em organizações que buscam serem melhores nas suas atividades.

Níveis CMMI
Figura 1 - Níveis de Maturidade CMMI

Para cada nível de maturidade são associadas Áreas de Processo (PA) relacionadas. As áreas de processo podem ser entendidas como checklists detalhados dos alvos a serem alcançados, das atividades executadas e dos artefatos criados e mantidos para satisfazer os requisitos para uma parte especifíca do processo de desenvolvimento em geral. A tabela a seguir lista as áreas de processo CMMI organizadas por nível de maturidade.

Áreas de Processo CMMI
Tabela 1 - Áreas de Processo CMMI

CMMI também Alvos Genéricos(GG) e Práticas Genéricas(GP). Estes elementos do modelo cobrem a habilidade de executar, gerenciar, medir e melhorar seus processos.

Um novo recurso do CMMI (contrapondo-se ao CMM original) é a habilidade de escolher entre duas representações do modelo: Estagiado e Contínuo. Genericamente, a representação Estagiada se adapta melhor ao foco da organização em atingir alvos em alto nível, enquanto a representação Contínua permite a customização precisa de um programa de melhoria de processos ou avaliação de modo a atingir de melhor forma requisitos específicos da organização.

Benefícios

Aqui seguem alguns dos maiores benefícios que podem ser alcançados ao utilizar CMMI em uma organização:

  1. Conhecer seu trabalho
    Você tem certeza que todos envolvidos em seus projetos sabem exatamente o seu trabalho e como este se relaciona com o que todos os outros fazem? Dê uma volta no escritório e pergunte estas simples questões...
    .. Aos gerentes de projeto:
    1. Qual a diferença entre um plano e uma programação?
    2. O que é registrado sobre as estimativas que são realizadas?
    3. São estimados o tamanho, bem como o esforço quando é feito o planejamento? Estes atributos são monitorados durante o ciclo de vida do projeto?
    .. Aos gerentes de configuração:
    1. O que é um baseline?
    2. Qual o propósito de uma auditoria de configuração?
    3. Quem autoriza as mudanças nas unidades de configuração?
    ... Aos analistas de garantia de qualidade:
    1. Qual é o objeto da Garantia de Qualidade?
    2. Qual a sua diferença em relação ao Controle de Qualidade ou aos Testes?
    3. Quem, na organização, sabe sobre as atividades e os resultados da Garantia de Qualidade?
    Se as pessoas na organização não conseguem responder essas questões de forma correta ou se ninguém sabe destes papéis e quem os assume, então sua equipe tem uma necessidade urgente receber informações sobre suas respectivas tarefas. CMMI é uma boa escolha para começar este trabalho.
  2. Entender onde você está
    Você está trabalhando melhor ou pior que seus parceiros e concorrentes? Quando se fala em melhoria do processo, sua organização é pioneira ou atrasada? CMMI consegue ser completo e universalmente relevante, permitindo um benchmarking preciso e detalhado do desempenho do processo dentro de organizações das mais variadas indústrias e segmentos.
  3. Obter um roadmap estruturado, lógico e à prova de tempo para melhorias
    Mais que uma receita a ser seguida cegamente e fielmente, o CMMI é uma lista de coisas bem organizada, que precisam ser cuidadas na sua ordem para ser sistematicamente bem sucedida nos seus projetos de desenvolvimento. Alinhar o plano de melhoria com os níveis de maturidade CMMI certificam que nada está sendo esquecido e protege efetivamente do efeito de “visão tunelada”, não tendo o completo entendimento das melhorias.
  4. Posicionamento como uma organização que implementa boas práticas
    Se a sua organização desenvolve produtos, provavelmente você quer que os clientes vejam a organização com um fornecedor disciplinado, capacitado e confiável. Adotando os princípios e práticas do CMMI será um longo caminho para alcançar isto, tanto na percepção dos clientes quanto na realidade.

Conclusão

Ao menos que você acredite que senso comum não se aplica ao seu contexto, CMMI é uma ferramenta poderosa para guiar seus esforços de melhoria de processo. Mesmo que se trate de uma mega-corporação, com milhares de empregados ou um pequeno grupo de poucos desenvolvedores, CMMI pode ajudar a entregar melhores produtos mais rapidamente.

Estudos têm mostrado que companhias que investem de 5% a 10% de seus custos operacionais em melhoria de processos tipicamente experimentam um retorno de investimento de 100% no primeiro ano e este cresce para 400% depois de 3 a 5 anos. Estes retornos de investimento são baseados em reduções no número de defeitos, menor tempo de entrega, melhorias nas capacidades de estimar e melhor controle do projeto, resultando em cronogramas e estouros de custos menores.

Se ainda há impressão que sua organização é muito pequena para se beneficiar com o CMMI, algumas coisas devem ser consideradas:

  • Seus projetos atrasam?
  • Seus requisitos são vagos e imprecisos, resultando em muito retrabalho e insatisfação do cliente?
  • Sua equipe não consegue entregar no tempo necessário e você não sabe como ajudá-los?

Se quaisquer das situações ocorrem, você pode contorná-las aplicando o CMMI.

© Inovar Consultoria Empresarial 2017 - Todos os direitos reservadosDesenvolvido por Sion Tecnologia